TAYLOR DAYNE

TAYLOR DAYNE

Muito antes da Anastacia, houve Taylor Dayne, ou melhor, Leslie Wunderman, de seu nome verdadeiro, dona de um vozeirão respeitável. Para além dos atributos vocais, Taylor apresentava uma imagem engraçada, com os exageros típicos da época. A farta cabeleira assumia natural destaque.

Nasceu em Nova Iorque e, antes de enveredar por uma carreira a solo, integrou grupos com nomes como Felony e The Next.

Em 1985, juntou-se ao produtor Rick Wake e, sob o nome artísitico de Leslee, gravou dois singles orientados para as pistas de dança, cujos títulos não podiam ser mais convidativos: Tell Me Can You Love Me and I’m The One That You Want.

Dois dos seus álbuns foram dupla-platina, a saber Tell It To My Heart (1988) e Can’t Fight Fate (1989), precisamente os dois primeiros da sua carreira. A faixa-título do primeiro álbum é o seu maior êxito anível mundial, mas este LP contou ainda com mais três singles de sucesso: Prove Your Love, I’ll Always Love You e Don’t Rush Me. Do segundo álbum, menos bem sucedido que o primeiro, há a reter os êxitos With Every Beat Of My Heart e I'll Be Your Shelter.

Tell It To My Heart foi um dos grandes êxitos das pistas de dança dos anos 80. O seu autor, Seth Swirsky, conta aqui a história desta canção. Uma história que se cruza com a NBA e a Playboy.

Actualmente, Taylor Dayne continua a gravar, surgindo em várias bandas sonoras, mas a sua actividade artística estendeu-se também ao teatro e ao cinema. O seu último álbum de originais data de 1998 e chama-se Naked Without You. Tudo o resto que saiu nos últimos nove anos tem a ver com registos ao vivo, remisturas e greatest hits. Em 2008 ela lança "Sattisfied" um CD muito envolvente e brilhante.