MATT BIANCO

MATT BIANCO

Matt Bianco foi formado por ex-membros do grupo de jazz Blue Rondo a la Turk e se tornou a mais importante banda de pop misturado com ritmos caribenhos da Inglaterra. A banda tinha como mentores o vocalista Mark Reilly e sempre contou com músicos convidados e nasceu em 1982, mas só em 1984 o primeiro álbum, Whose Side Are You On?, foi lançado.

Mas foi com o segundo disco, chamado apenas de Matt Bianco, que o grupo realmente passou a ser conhecido. O primeiro single deste álbum, lançado em 1986, Yea Yea, foi indicado ao prêmio de melhor single no European Music Awards, levando a estatueta. Wam Bam Boggie, outro single, entrou em diversas paradas, sempre próximo ao topo. O disco seguinte, Indigo (1988), também se dá bem, com o single de Wam Bam Boggie aparecendo em várias paradas pela Europa em primeiro lugar.

Daí pra frente alguns novos discos foram lançados, como Samba in Your Casa (1991), Yeah Yeah (1993) e Another Time Another Place (1994), destes, apensa Another Time... considerado o melhor disco da carreira do grupo, teve uma certa repercussão. A partir de Gran Via (1995) cai novamente no ostracismo, ficando restrito aos fãs do grupo. Lançam mais três álbuns: World Go Round (1998), Echoes (2002) e Matt´s Mood (2004). Matt´s Mood, marca a volta do grupo a uma grande gravadora, a Universal, e também a parceria com Basia, cantora que participou das gravações de Whose Side Are You On?.

Durante toda a carreira o Matt Bianco teve diversos personagens, começou com Danny White (teclados), Kito Poncioni (baixo) e Mark Reilly e Basia nos vocais. Esta formação durou apenas até o lançamento do primeiro álbum. Três anos depois, Reilly, agora com o tecladista Mark Fisher, ressuscita a banda para uma aparição em um programa de TV inglês e nunca mais param. Depois do segundo álbum, começam a trabalhar com diversos vocalistas, além de Reilly e, em 1988, com o lançamento de Indigo, tem seus dois maiores singles interpretados por Emilio Stefan (Don´t Blame It On That Girl) e Ambassador (Wam Bam Boogie).

Em 2001 lançam a coletânea A/Collection, com várias gravações antigas e uma nova versão para Wam Bam Boogie, agora com os vocais de Kym Mazelle, cantor gospel, que ficou conhecido nos anos 80.


Por Valdir Antonelli