JIMMY FONTANA

JIMMY FONTANA

Filho único de um funcionário de uma empresa e da secretária de um médico, Jimmes Patrick Page nasceu no dia 09 de janeiro de 1944, em Heston, Middlesex. Depois de viver um tempo com o tio em Northamptonshire, a família se mudou para Miles Road, em Epson, Surrey, quando Jimmy tinha uns oito anos. Na escola, cantava no coral, chegou a ser campeão escolar de salto de obstáculos e entusiasmou-se com a arte. Mas a grande paixão aconteceu quando os pais lhe deram uma guitarra em 1957.

Jimmy Page aprendeu a tocar guitarra ouvindo Rock And Roll nas rádios e em discos, exceto por algumas lições elementares que teve com um professor na localidade próxima de Kingstone-on-Thames. Page foi se interessar pelo Rock and Roll quando ouviu a canção "Baby Let's Play House", do álbum A Date With Elvis, em meados de 1959. Pouco depois abandonou a escola e, depois de fracassar na sua tentativa de trabalhar como auxiliar de laboratório, aceitou um convite de Neil Christian and The Crusaders, que o tinham visto tocar num salão de baile dos arredores, para se juntar a eles.

O jovem Jimmy Page, com 15 anos, começou a adquirir uma reputação considerável entre outros músicos. Mas a interminável rotina de ter de andar por todo país numa camioneta foi um problema para a sua saúde. Era hora de colocar um ponto final nos seus dois anos de colaboração com o grupo.

Voltou então à sua grande paixão, a pintura, e durante 18 meses, em meados de 1963, frequentou uma escola de arte. Mas nunca se afastou completamente da música. As sessões de improvisação na casa de Page eram frequentes, e ali se reuniam seus amigos, entre eles, Jeff Beck. Page se apresentava com um grupo de vez em quando, e isso foi suficiente para que o produtor Mike Leander reparasse nele e lhe propusesse tocar numa gravação nos final de 1962. O resultado foi "Dinamonds", de Jet Harris e TonyMeeham, que os levou ao número 1 e lançou o nosso jovem heroi numa nova carreira.

Ele se tornou rapidamente um solicitado músico de estúdio e nos três anos e meio seguintes tocou literalmente em centenas de gravações, tocando então para artistas como Dust Springfield, Billy Furry, Dave Berry, quando era creditado em seus discos como Little Jimmy Page, Brenda Lee e muitos outros. Nessa época também fez uma pequena parceria com a cantora Jackie De Shannon, tocando em gravações, mais influenciada pelo folk rock, chegando então a gravar um single para o Fontana em 1965 com o nome de “She Just Satisfies”. Jimmy Page também foi convidado por Andrew Oldham (Antigo empresário dos Stones) a ser músico de estúdio na sua nova gravadora.

Page chegou aos Yardbirds, e uma semana depois já estava tocando guitarra, formando com Jeff Beck uma dupla de solistas. Essa formação ficou cinco meses em ativa, e infelizmente apenas poucas músicas foram registradas, entre elas "Happenings Ten Years Time Ago", "Stroll On", "Psycho Daisies" e a famosa "The Train Kept A Rollin" que foi uma gravação feita para a trilha sonora do filme "Blow Up" ("Depois Daquele Beijo"). Jeff Beck resolveu abandonar os Yardbirds em meio a uma excursão em novembro de 1966. Jimmy Page então seguiu adiante levando à frente a banda enquanto pôde, até que que o grupo se desfez só sobrando Page.

Jimmy Page então resolveu montar uma nova banda sobre os escombros dos Yardbirds. Um amigo então cita o vocalista Robert Plant, que na época fazia parte da pequena Band Of Joy, onde também tocava o baterista John Bohan, e juntamente com o baixista Chris Deja a banda então passaria a se chamar The New Yardbirds. Logo depois, visto que seu som não se encaixava com o que a banda produzia, Chris Deja é substituído pelo então baixista Jonh Paul Jones, que já havia gravado com os Rolling Stones.

O nome New Yardbirds não durou muito, e foi quando o baterista do The Who Keith Moon comentou que o som que a banda fazia era um som Pesado como chumbo – Led - e leve como um Zeppelin. Logo na volta dos shows que o New Yarbird fizeram na Escandinávia a banda já se chamava Led Zeppelin, e logo se tornaria uma das mais elogiadas e influentes da história.