GABRIEL DINIZ

GABRIEL DINIZ

Natural de Campo Grande, na adolescência mudou-se com a família para Campina Grande, na Paraíba, onde foi criado. Diniz iniciou a sua carreira como músico cantando em algumas festas na UCFG, onde estudava engenharia elétrica.

Reuniu-se com amigos da escola e criou uma banda de garagem, se tornando a sensação entre a juventude da cidade. Esses foram os primeiros passos da caminhada do cantor que, a partir daí, foi visto pelos empresários locais da música e foi convidado para ser vocalista de uma banda, de fato, comercial.

Aos 19 anos, se consolidou na cena nordestina com a banda Forró na Farra, em João Pessoa, pela produtora Luan Promoções e Evento, também responsável por gerir as carreiras de Wesley Safadão, Luan Santana, Zezé Di Camargo & Luciano, entre outros artistas. O sucesso marcado com a sua voz foi "O Show Terminou". A banda Forró na Farra, comandada pelo "Playboyzão" (como era conhecido), Gabriel Diniz deu início às atividades em 11 de março de 2011, na casa de shows The Pub, no qual teve um pequeno registro em vídeo.

Além do grupo, Diniz liderou os grupos de forró eletrônico Capim com Mel e Cavaleiros do Forró. A última, criada em 2001, conquistou mais de dois milhões de álbuns vendidos e é considerada um dos maiores fenômenos musicais do Nordeste. O cantor foi vocalista do grupo entre os anos de 2010 e 2011 e embalou com a canção “Só Quem Amou”.

Em sua carreira solo, o cantor possui seis álbum lançados: GD At The Park (Ao Vivo) (2016), GD Live (Ao Vivo) (2016), GD Verão (2016), GD (2017), Gabriel Diniz Na Ilha (Ao Vivo) (2018) e À Vontade (2019). Com o sucesso, Diniz gravou ao lado de grandes artistas da atual cena sertaneja, entre eles Wesley Safadão ("Quem Chorava Hoje Ri"), Simone & Simaria ("Só Dá Nós Dois"), Gusttavo Lima ("É Hora de Dar Tchau") e Jorge & Mateus ("Paraquedas"). Durante sua carreira solo, o cantor lançou três álbuns de estúdio, GD Verão, GD e À Vontade, e três discos ao vivo, GD At The Park, GD Live e Gabriel Diniz Na Ilha. Seu outro sucesso mais recente, lançado em fevereiro, foi "Safadezinha".

Além das combinações sonoras, Diniz apresentava um visual autêntico. Numa entrevista a Rolling Stone, o cantor disse: "Veja artistas grandes como Michael Jackson, Elvis Presley, Freddie Mercury. Eles eram assim. Essa percepção mudou um pouco após os anos 1980, mas eu continuo achando que cantor tem que brilhar mesmo, causar encantamento no fã, é disso que o povo gosta."

Tornou-se nacionalmente conhecido pelo single "Jenifer", o qual ficou em primeiro lugar entre as canções mais tocadas nas rádios e nas paradas de streaming do Brasil, consolidando-se como o hit do verão de 2019. A canção, segundo o Escritório Central de Arrecadação e Distribuição, foi a música mais tocada no Carnaval de 2019. No YouTube, o vídeo da canção conta com mais de 246 milhões de visualizações, ao mês de junho de 2019.

Após realizar uma apresentação na cidade de Feira de Santana, na Bahia, Gabriel seguiu em destino a Maceió, Alagoas, para se encontrar com os pais e comemorar o aniversário da namorada, que coincidentemente completava 25 anos. O monomotor, entretanto, caiu em Estância, no sul de Sergipe, matando o cantor, o piloto Gabriel Abraão Farias e o copiloto Linaldo Xavier Rodrigues. Médicos do Instituto Médico Legal confirmaram que o impacto da queda foi responsável pela morte das vítimas, o que ocasionou diversos traumatismos torácicos, traumatismos abdominais e traumatismos cranianos.

Segundo apontamentos iniciais, a aeronave Piper Cherokee PT-KLO não poderia operar voos privados ou táxi aéreo. De acordo com os registros da Agência Nacional de Aviação Civil, o avião era destinado exclusivamente às atividades de "instrução, adestramento de voo por aeroclubes, clubes ou escolas de aviação civil". A Aeronáutica, portanto, afirmou que as causas do acidente seriam investigadas.

O velório ocorreu no Ginásio Poliesportivo Ronaldo Cunha Lima, na Paraíba, e o enterro em João Pessoa, restrito para familiares e amigos. A morte do artista repercutiu nacional e internacionalmente, incluindo veículos como Billboard, Clarín, Daily Mail, New York Daily News, People, The Sun, Daily Star, NME e AOL.