EDUARDO COSTA

EDUARDO COSTA

Nascido Edson Vander da Costa Batista na cidade de Abre Campo, Minas Gerais, no dia 13 de dezembro de 1979 e mais conhecido pelo nome artístico Eduardo Costa o mesmo é cantor, compositor, multi-instrumentista, empresário, fazendeiro e produtor musical.

Eduardo Costa é um artista que, como ele mesmo costuma dizer, não é fruto da mídia, mas um cantor que saiu do povo para a mídia. Quando criança enfrentando a pobreza, fome e todas as dificuldades possíveis Eduardo Costa nasceu fruto de um relacionamento do senhor João Batista e dona Maria Raimunda da Costa. Os irmãos de Eduardo Costa que ele teve que trabalhar para ajudar a criar são Wellington e Sara Costa.

O grande momento de decisão na vida de Eduardo Costa foi quando ele, aprendendo a tocar violão, fã de música sertaneja, sonhando em ser um artista famoso deste universo, saiu de casa aos 12 anos e foi tentar a sorte.

Biografia de Eduardo CostaDeste modo, o garoto virou um nômade e viajou para Goiás, São Paulo e demais cidades mineiras sempre aprimorando seus conhecimentos musicais e adquirindo experiência para a vida.

Quando começou na busca pela carreira Eduardo Costa trabalhou ajudando artistas, cantou e morou em prostíbulo, fez barzinho e tentou até formar uma dupla sertaneja, mas viu que não decolava e resolveu que seguiria carreira solo.

Inspirando-se em outros artistas pobres que começaram da mesma vida difícil que a dele como Zezé di Camargo e Luciano, Milionário e José Rico entre outros ele seguia esperando seu momento. Seus grandes ídolos na música eram Leandro e Leonardo. Assim Eduardo Costa conseguiu despertar a atenção de algumas pessoas com mais condições que iam investindo pouco a pouco em sua carreira.

O grande salto, talvez, ocorreu quando uma fita cassete do cantor fazendo voz e violão cantando clássicos sertanejos espalhou-se no mercado popular pirata já com a chegada dos CD´s piratas com outra capa afirmando ser Zezé di Camargo acústico e solo.

Algumas músicas como “Me apaixonei” de autoria de Eduardo Costa ganharam rapidamente o gosto popular e logo souberam que se tratava do cantor mineiro. Nesta altura Eduardo Costa já encantava com sua viola em que tocava fazendo malabarismo, sua voz potente e rouca com uma pegada romântica e bastante comercial.

Assim em 2003 o CD intitulado Eduardo Costa (independente) vira uma febre e o projeta a gravar um segundo em 2004 Acústico. Com o sucesso Eduardo Costa grava o terceiro e considerado pelos fãs o melhor e o que mais o projetou intitulado “No Boteco”.

O sucesso foi inevitável e dali em diante Eduardo Costa iria apenas se consagrar na música sertaneja. Em 2006 foi lançado o primeiro DVD do cantor intitulado “Me Apaixonei” música de sucesso de Eduardo Costa que estourou no Brasil inteiro.

O cantor Eduardo Costa fez parceria com Leonardo que formava dupla com Leandro, falecido em 1998, e juntos são sócios na Produtora Talismã e promovem diversos artistas. Com tamanha proximidade Eduardo Costa e Leonardo lançaram o projeto Cabaré onde já gravaram dois DVD´s cantando clássicos da música sertaneja.