ALEJANDRO SANZ

ALEJANDRO SANZ

Alejandro Sánchez Pizarro (Madrid, 18 de dezembro de 1968), cantor de música Pop espanhol.

Filho caçula de María Pizarro e Jesús Sánchez, sua vida sempre foi ligada à musica, tendo em seu pai como grande influência , principalmente em relação à música flamenca.

Sua carreira começa no final dos anos 80, participando de vários grupos musicais. Sob o nome de Alejandro Magno lançou o disco "Los chulos son pa´ cuidarlos", álbum que passou desapercebido.

Em 1991 já com o selo Warner e estilo romântico dirigido principalmente ao público feminino, grava o disco "Viviendo deprisa", com 10 canções de sua autoria sob a produção de Miguel Angel Arenas, "el Capi". Desta producão se destacam "Los dos cogidos de la mano", "Pisando fuerte" e "Se le apago la luz".

Seu segundo disco, gravado em Londres, novamente com a producão de Miguel Angel Arenas e Nacho Maño, o confirma como autor em composições como "Si tú me miras" e "Cómo te echo de menos" e lhe dá oportunidade de gravar um especial acústico com 5 canções entitulado "Basico" em 1994 em parceria com Los 40 principales.

Em 1995 o single "La Fuerza del Corazón" fez do madrilenho uma figura conhecida em vários paises. Graças a seu álbum "Mas" e, principalmente o hit "Corazón partio" que permanece por 70 semanas como melhor canção, torna-se reconhecido pelo público, passando a ser um dos artitas mais importantes da Espanha e America Latina, bem como Estados Unidos.

Em seus últimos discos é nítido o distanciamento do pop original e a aproximação gradual do flamenco e outros estilos musicais mediterrâneos.

Em 2001, frente à sua crescente popularidade internacional, realiza duetos com artistas estrangeiros como The Corrs, em que grava uma versão em inglês titulada "The hardest day", e uma versão em espanhol titulada "Una noche". No mesmo ano se torna o primeiro espanhol a gravar um Unplugged para a MTV.

Em 2003 grava o álbum "No es lo mismo".

Em 2005, o single com Shakira, "La Tortura", obteve grande êxito en países como Espanha, México e Estados Unidos e a converteu na primeira artista a abrir um MTV Awards em espanhol.

Alejandro Sanz começou sua carreira artística em 1991 com a gravação do álbum "Viviendo deprisa". Quinze anos depois, possui 21 milhões de cópias vendidas em todo o mundo, 1 Prêmio Grammy de Melho Álbum Latino do ano por "No es lo mismo" e 14 Prêmios Grammy Latino. É considerado o artista mais bem sucedido e premiado em toda a historia discográfica espanhola e bate todos os recordes na Espanha.

Realizou colaborações com as vozes mais importantes da música española e latina: Joaquín Sabina, Shakira, Lena, Malú, Niña Pastori, Juanes etc.

Em 25 de setembro de 2006 lança o primeiro single de seu novo trabalho, A la primera persona. Intitulado "El tren de los momentos", o disco saiu a venda em escala mundial em 7 de novembro do mesmo ano e possui faixas com colaboraçôes de Shakira em "Te lo agradezco, pero no" e Juanes em "La peleita".