10CC

10CC

O 10cc surgiu da reunião de quatro mentes brilhantes, Eric Stewart, Graham Gouldman, Kevin Godley & Lol Creme, todos já extremamente experientes no meio musical seja como instrumentistas ou como compositores. Vejamos: Eric Stewart foi compositor/vocalista do The Mindbenders('Game Of Love', 'Groovy Kind Of Love'); Graham Gouldman escreveu pérolas pop como 'For Your Love' e 'Heartfull Of Soul'(Yardbirds), 'No Milk Today'(Herman's Hermits), 'Look Through Any Window' e 'Bus Stop'(The Hollies), etc.; Kevin Godley e Lol Creme passaram por várias bandas durante os anos 60. Em 68, encontram-se para diversos trabalhos conjuntos que incluiam a produção de toneladas de hits bubblegum para a Marmelade Recs. Finalmente, em 72, já como 10cc, lançam uma paródia ao doo wop chamada 'Donna', de relativo sucesso mundial e, logo depois, 'Rubber Bullets', outro grande sucesso, e não param mais. Ocorre que, até este momento, o 10cc era apenas mais uma banda pop fazendo sucesso. Organicamente, a banda era dividida da seguinte forma: Stewart & Gouldman eram a porção pop e Godley & Creme a facção experimental. No entanto, até este momento, só a primeira estava era conhecida.
Este lado pop proporcionou, no ano seguinte, o lançamento do primeiro álbum, auto-entitulado, e, em 74, lançam 'SHEET MUSIC', já com um pé nas experimentações que viriam a se materializar plenamente, no ano seguinte, com o lançamento deste 'THE ORIGINAL SOUNDTRACK'. Como de hábito, tocam todos os instrumentos, dos habituais guitarra/teclados/baixo/bateria a uma penca de outros, digamos assim, mais exóticos. As composições, inspiradíssimas. Os arranjos vocais e instrumentais de uma complexidade e beleza extremas. No entanto, chama muita atenção o trabalho de produção/engenharia.
Em 76 lançam 'HOW DARE YOU!', mantendo o altíssimo padrão de seu predecessor, mas as relações entre as duas facções já estavam deterioradas e a metade experimental resolve sair e a carreira da banda passou a ser irregular, apesar de novos lançamentos e turnês.